Chrystian, da dupla com Ralf, morre aos 67 anos Hospital divulga causa da morte do cantor Chrystian
Chrystian, da dupla com Ralf, morre aos 67 anos Hospital divulga causa da morte do cantor Chrystian

Polêmica: repórter da CNN diz que, mesmo com tragédia no RS, show de Madonna não deve ser “ignorado”

A apresentadora do jornal fez um comparativo entre a cobertura do show e da tragédia no estado e a fala repercutiu negativamente

          Uma fala da apresentadora Elisa Veeck, da CNN, acerca das coberturas feitas da tragédia do Rio Grande do Sul e do show da Madonna, gerou polêmica. A jornalista disse que reconhece a importância da cobertura da tragédia no estado, mas que o show da cantora também deve ter a mesma atenção e que não dá pra “ignorar” a vinda da artista.

          “Quando a gente vê toda a tragédia no Rio Grande do Sul, a gente não pode fingir que nada disso tá acontecendo, que é a Madonna no Rio de Janeiro. Um show tão aguardado por milhares de fãs”, diz ela, destacando o número imenso de pessoas na cidade, incluindo rodoviárias e aeroportos.

          Veja as fotos

          Elisa Veeck fala que, mesmo com tragédias no Rio Grande do Sul, show de Madonna não deve ser ignorado.
          Elisa Veeck fala que, mesmo com tragédias no Rio Grande do Sul, show de Madonna não deve ser ignorado.
          Elisa Veeck foi criticada na web pela fala
          Elisa Veeck foi criticada na web pela fala

          A fala repercutiu mal e internautas criticaram a forma que Elisa abordou os dois assuntos: “Noção passou longe”, escreveu um usuário. “Meu Deus. Ela trouxe qual benefício para quem está lá sofrendo?”, comentou uma internauta. A jornalista também foi criticadas nas redes sociais pela mesma ser gaúcha. No boletim mais recente divulgado pela Defesa Civil do RS, o órgão informou que 75 pessoas faleceram em decorrência do que aconteceu no estado.