Chrystian, da dupla com Ralf, morre aos 67 anos Hospital divulga causa da morte do cantor Chrystian
Chrystian, da dupla com Ralf, morre aos 67 anos Hospital divulga causa da morte do cantor Chrystian

Globo fala pela 1ª vez de morte de jovem por fake news e Patrícia lamenta: “Já vivi esses ataques”

A famosa pediu para que os internautas tenham mais senso de responsabilidade

No Encontro da manhã desta quinta-feira (28/12), Patrícia Poeta falou sobre o caso de Jéssica, a jovem de 22 anos que morreu após ser apontada como affair de Whindersson Nunes por notícias falsas. Essa foi a primeira vez que o assunto foi mencionado pela Globo, desde a semana passada. Além de repudiar todos que disseminaram esta fake news, Poeta relembrou que também já foi vítima desse crime.

“A Internet hoje é terra de ninguém. A pessoa posta o que quer em perfil falso, seja lá onde for. Fala qualquer coisa de uma determinada pessoa, muitas vezes para terminar com a vida dela, “/simbolicamente”/ falando, arrasar com ela e deixar ela triste. E não acontece nada”, iniciou a apresentadora. 

Patrícia Poeta relembrou que também foi vítima de fake news no início do ano e que sabe como é dolorosa lidar com isso.

“É muito doloroso. Isso a gente não faz com o outro, de jeito nenhum. É extremamente dolorido. Você tem que buscar uma força que, muitas vezes, você até desconhece, para seguir em frente. Você que está passando por isso, lembra o seguinte: seus atos do dia a dia, princípios e vida são muito mais importantes do que tudo isso”, desabafou. 

“Tenha senso de responsabilidade dentro de você, isso é crime. Você está, no mínimo, entristecendo alguém, ajudando a deprimir alguém e, muitas vezes, ajudando a matar alguém. Isso quem compartilha, que também está cometendo o crime”, completou.

A famosa pediu para que os internautas tenham mais senso de responsabilidade ao escrever sobre qualquer assunto na web.
 

“Agora quem planta, inventa e começa a disseminação do ódio, talvez você desconheça essa palavra que chama amor, mas tenta, pelo menos, respeitar o outro. Pode ser um bom começo para você em 2024. É uma espécie de desabafo aqui, porque isso não se faz com as pessoas, você machuca as pessoas”, concluiu. 

O caso que comoveu o país

Jéssica Vitória Canedo, jovem que teve falsas conversas com Whindersson Nunes divulgadas nas redes sociais, morreu no dia 22 de dezembro, aos 22 anos. 
 

As supostas conversas de Jéssica com Whindersson Nunes caíram nas redes e na época, a moça afirmou que não se tratava de uma conversa real, assim como o próprio humorista. Com a repercussão da divulgação dos prints, a moça começou a receber ataques nas redes. Mesmo com a mãe revelando que Jéssica sofria de depressão, as postagens continuaram e a menina, infelizmente, tirou a própria vida após o linchamento. 
 

Veja as fotos

Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram