Ao vivo
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
portal Leo Dias 1 ano
vaidebet

Hamilton na Red Bull? Piloto desmente boatos de chefe da equipe rival: “Não o procurei”

Christian Horner, da Red Bull, insinuou que o inglês tentou cavar uma vaga na equipe

A grande rivalidade da Fórmula 1, Mercedes x Red Bull, ganhou um capítulo polêmico no media day da última etapa do campeonato, em Abu Dhabi. Depois de Christian Horner afirmar que Hamilton o teria procurado, o inglês tratou de desmentir o rival e garantir seu futuro no lado alemão do grid.

Com a má fase do mexicano Checo Peréz na Red Bull, cada vez mais se cogita um possível substituto para a segunda vaga da equipe e, nas palavras do próprio chefe Christian Horner, o inglês Lewis Hamilton o consultou para saber se tinha vaga para ele.

“Tivemos várias conversas ao longo dos anos sobre a vinda de Lewis”, afirmou Horner ao Daily Mail. “Eles entraram em contato algumas vezes. Mais recentemente, no início do ano, houve uma conversa sobre se haveria algum interesse. Mas não consigo imaginar Max e Lewis trabalhando juntos. A dinâmica não seria certa. Estamos 100 por cento felizes com o que temos”, explicou o chefe da Red Bull, que disse ainda que Lewis também sondou a Ferrari a fim de uma vaga em 2024.

Desmentiu!

Em entrevista à jornalista da Band, Mariana Becker, Hamilton fez questão de dizer que “fala com Horner há anos” e polemizou, dizendo que o compatriota foi quem o procurou:

“Eu sei que isso partiu de Christian. Eu realmente não entendo do que ele está falando porque ninguém, até onde sei, da minha equipe falou com ele. Não falo com Christian há anos. No entanto, ele me procurou no início do ano. Mas é isso. Acho que ele só quer movimentar as coisas. Não há discussões confidenciais com eles. Você conhece Christian. Ele adora esse tipo de coisa”, disse o inglês, que ainda detalhou:

“Christian me mandou uma mensagem. Verifiquei com todos da minha equipe e ninguém falou com eles. Mas eles tentaram entrar em contato conosco”, explicou o heptacampeão da categoria máxima do automobilismo.

Contato por mensagem de texto

Segundo o heptacampeão, o contato de Horner foi por meio de um celular antigo, do qual ele passou meses sem olhar: “Liguei o celular e obviamente centenas de mensagens chegaram, então percebi que havia uma de Christian para nos reunirmos e bater um papo no final da temporada… Acabei por responder a ele no meu novo telefone. Foi depois de um fim de semana. Já era tarde quando vi a mensagem.”

Hamilton deixou claro que teria procurado Toto Wolff por querer que a “equipe soubesse tudo porque as pessoas pensam coisas e isso nunca é positivo”. Perguntado se queria correr ao lado do tricampeão Max Vertappen, o inglês deixou claro estar interessado:

“Ficaria mais do que feliz em correr contra Max no mesmo carro. Isso seria maravilhoso. Mas não acho que ele queira que eu seja seu companheiro de equipe”.
 

Veja as fotos

Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução