Preso, pastor fazia rituais de sexo e engolia sêmen de fiel para curar gastrite Outro lar, novos vizinhos: como está a vida de Dado em casa separada de Wanessa Melody assume seu primeiro namoro. Saiba quem é o rapaz! Manoel Carlos revela por que nunca deu um papel de Helena para Lilia Cabral
Preso, pastor fazia rituais de sexo e engolia sêmen de fiel para curar gastrite Outro lar, novos vizinhos: como está a vida de Dado em casa separada de Wanessa Melody assume seu primeiro namoro. Saiba quem é o rapaz! Manoel Carlos revela por que nunca deu um papel de Helena para Lilia Cabral

Jornalista acusa mascote do Internacional de importunação sexual em jogo

Gisele Kumpel detalhou o episódio em vídeo logo após registrar um boletim de ocorrência

Um dos maiores clássicos do futebol brasileiro foi disputado no Sul neste domingo (25/2), o famoso Grenal, entre Grêmio e Internacional. A partida terminou de uma forma que a jornalista Gisele Kumpel não queria nenhum pouco, já que logo depois precisou registrar um boletim de ocorrência contra o mascote do Internacional, o qual ela acusa de importunação sexual.

Segundo Gisele explica em um vídeo, logo após deixar a delegacia em Porto Alegre (RS), o “Saci” teria a agarrado e tentou beijá-la logo após o terceiro e último gol do Internacional, convertido de pênalti, já nos acréscimos da partida.

O problema teria começado bem antes do fato que causou a denúncia de Gisele, já que a jornalista informou também que o mascote estava a importunando desde o começo do segundo tempo da partida.

“Fiz um comentário com um colega que estava do meu lado. Falei: “/meu Deus, o mascote está me tirando do sério”/. Neste momento, foi pênalti para o Inter. Quando houve isso, me deu um estalo para ficar longe. Até então, não tinha me incomodado a ponto de fazer um boletim de ocorrência, ele “/só”/ estava me importunando”, disse, detalhando em seguida o porquê de registrar o B.O e o momento da importunação:

“Quando sai um gol do Inter, geralmente ele comemora com a torcida dele, mas ele não foi, ele começou a comemorar perto de mim. Quando ele viu que não olhei para ele — porque estava olhando para o campo e, portanto, de lado para ele —, ele simplesmente me abraçou (…) Fui registrar o B.O, e a delegada disse que isso é importunação. Vou entrar com representação e medida protetiva na delegacia da mulher, para jogos futuros”, completou.

 

Veja as fotos

Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução
Reprodução