Ao vivo
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
portal Leo Dias 1 ano
vaidebet

Dos Yanomamis e onças às lendas, 1ª noite de desfiles do Rio contam histórias brasileiras

Seis escolas desfilam neste domingo (11/2)

O chão treme, as luzes dançam e o coração segue as batidas da bateria: o Carnaval chegou! O portal LeoDias segue cobrindo a folia de perto e vai para a Sapucaí ver os desfiles de escola de samba do Rio de Janeiro. Vem ver quais são os enredos da avenida neste domingo (11/2).

Porto da Pedra – “Lunário Perpétuo: A Profética do Saber Popular”

Vencedora da Série Ouro em 2023, a escola conseguiu voltar ao Grupo Especial neste ano, iniciando a noite dos desfiles.

Como enredo, eles irão levar a história de um almanaque da época medieval na Espanha, que chegou ao Brasil apenas 200 anos depois.

Beija-Flor – “Um delírio de Carnaval na Maceió de Rás Gonguilla”

A azul e branca quer levar a história de Rás Gonguilla para a avenida. Ele acreditava ser da realeza etíope e tinha pais escravizados.

Além disso, a agremiação vai abordar as realezas de Nilópolis e Maceió.

Salgueiro – “Hutukara”

No primeiro Carnaval após a porte recente do puxador Quinho, a agremiação representa os povos Yanomami, com Viviane Araújo como rainha de bateria.

A expressão que nomeia o enredo deste ano significa “o céu original a partir do qual se formou a terra”.

Grande Rio – “Nosso destino é ser onça”

A verde e vermelha vai estar uma fera na Sapucaí, isso porque vão falar do animal e sua importância na cultura brasileira.

Paolla Oliveira comanda a bateria, enquanto Deolane estreia no Carnaval carioca.

Unidos da Tijuca – “O conto dos Fados”

Penúltima agremiação a entrar na avenida na madrugada de domingo para segunda-feira (12/2), o enredo da vez é sobre Portugal.

A intenção da escola que tem a bateria encabeçada por Lexa é falar de contos, lendas e até mesmo a história musical do país.

Imperatriz Leopoldinense – “Com a sorte virada pra lua segundo o testamento da cigana esmeralda”

Campeã do Carnaval 2023, a escola é a última da primeira noite de desfiles.

O enredo misterioso foi inspirado no cordel de Leandro Gomes de Barros, “O testamento de cigana Esmeralda”.

Veja as fotos

Alexandre Macieiria - RioTur
Alexandre Macieiria - RioTur
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Allan Duffes
Nelson Malfacini
Nelson Malfacini
Tags: