Ao vivo
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
Pai debocha de filha com paralisia e é acusado de maus-tratos: “Largar em orfanato” Ex-cunhada de Safadão acusa mãe do cantor de ameaça e ela rebate: “Tudo mentira”
portal Leo Dias 1 ano
vaidebet
Exclusivo

Carlinhos revela que a mãe, deficiente auditiva, sofreu com agressões e preconceito

Carlinhos Maia abriu as portas de sua nova mansão em São Paulo e concedeu entrevista exclusiva ao titular do portal LeoDias ao lado dos pais

Carlinhos Maia abriu as portas de sua nova mansão em São Paulo para o titular do portal LeoDias e em entrevista exclusiva ao lado dos pais, Maria Maia e Virgílio Ferreira, o influenciador relembrou os momentos difíceis que viveu ao longo da vida e as vezes que precisou defender a mãe de agressões físicas e psicológicas. 
 

“Tudo que você imaginar de coisas negativas já aconteceu com ela. Ela ia estudar a noite na escola, ela trabalhava de empregada doméstica de dia e quando chegava a noite ela ia estudar para aprender a falar, nessas escolas de adultos e lá ela era a chacota da galera. Eu nunca esqueci uma vez que eu cheguei lá e vi meu pai chorando, porque um cara, um aluno, já velho, estava jogando vitamina na cabeça dela para todo mundo rir no intervalo, você acredita?”, iniciou Carlinhos. 

“Imagina uma criança chegando e vendo essa cena, ela chorando com o cabelo todo cheio de vitaminas”, disse o influenciador, com a voz embargada relembrando o episódio vivido pela mãe. “Eu já falei tanto essa história para ir saindo assim, mas é uma das lembranças que mais me dói, porque eu criança, vendo meu pai chorando em uma escola de adultos rindo e ela com a cabeça toda cheia de vitaminas, por nada, só por maldade, porque ela não escutava, o pessoal falava com ela e ela ficava “/ãn, ãn, ãn”/. Naquela época ela não usava aparelho auditivo, porque era caro”, relembrou.

“Esse aparelho que ela usa agora é caro, muita gente não pode comprar, ai Deus deu a graça para o meu filho, que proporcionou isso para ela”, completou o pai adotivo de Carlinhos, Virgílio.

Além da violência psicológica que a mãe sofria, Carlinhos revelou que Maria Maia já chegou a ser agredida por um vizinho e apedrejada durante uma procissão religiosa. 
 

“Ela apanhava na rua dos vizinhos. Eu chegava da escola e ela estava em cima de uma cama”, disse Carlinhos.
 

“Ela varria a rua, ela tinha um pé de mangueira lá que caia muitas folhas, e ela sempre varria a rua e teve um dia que ele chegou e ela foi falar com ele e ele deu uma pesada nela e ela foi bater no hospital”, contou Virgílio, pai do influenciador. “Ela já era senhora, 50 e tantos anos”, completou Carlinhos.

“Uma vez a gente foi em uma procissão, uma procissão, às coisas absurdas aconteciam em  lugares assim, inesperados. Estávamos em uma procissão e enquanto ela rezava dois meninos ficavam jogando pedras nela e eu tinha que ficar na frente das pedras para as pedras não baterem nela. Eram coisas assim que hoje olhando para trás fico me perguntando: “/como isso acontecia?”/”, relembrou Carlinhos.
 

Cresceu defendendo a mãe 

Ainda em entrevista ao portal LeoDias, Carlinhos desabafou ao explicar que muitos não entendem o seu jeito de não ter paciência para certas coisas, mas afirma que trata-se de uma autodefesa enraizada ao longo da vida por ter crescido defendendo a mãe de maldades. 

“Muita gente não entende porque eu tenho esse meu jeito assim, de não ter paciência, de autodefesa, de não ser fraco. É uma coisa que já está enraizada, porque desde criança eu já nasci em um lugar em que eu tinha que defender a minha mãe o tempo todo, eu tinha que correr na cozinha para pegar uma faca quando alguém estava mexendo com ela”, desabafou.. 

“Então eu e meu pai passamos a vida toda defendendo a minha mãe, mas acho que eu puxei muito o jeito dela, porque independente das coisas que ela passou, ela nunca deixou de ser feliz, sempre estava para cima, sempre estava disposta, querendo fazer alguma coisa, porque qualquer pessoa que passasse 1% das coisas dela já teria tentando se matar e entrado em uma depressão”, finalizou o influenciador.

Veja as fotos

Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias
Leo Dias